A leveza do amor é um colírio pros olhos de quem fotografa casamentos. Não são necessárias palavras, poses, gestos pré determinados. Tudo é tão natural….flui…e flui…e simplesmente quando você vai olhar as imagens depois, em casa, com calma, foi tudo exatamente como nossos olhos enxergaram e nossas lentes “sentiram”. Está tudo ali. Registrado. Eternizado. Os filhos vão ver, os netos também…e é assim que se materializa um legado repleto de uma riqueza única. Algo que só aquela família tem, registrado como só eles são. Acho que é por isso que a gente se encantou com esse mundo casamentício…rs. São sempre casamentos, mas são todos tão especiais e diferentes, que rotina é algo que não existe por aqui. E mais um casal deixou sua marca em nós: Janine e Mauro. Que alegria terem nos escolhido! De repente nos vimos mergulhados nesse amor e nessa história tão encantadora. Uma família tão querida e de uma simpatia que nos deixou calmos, achegados e privilegiados por poder dividir esses momentos com eles. Foi simplesmente um aconchego esse casamento! Making of em casa, no quarto da Janine. Ponto essencial que trouxe uma proximidade e calmaria necessárias. Amigos chegados e queridos como convidados. Pais orgulhosos e emocionados… E mais um zilhão de motivos pra tornar esse casamento inesquecível pra gente. Bom, vamos deixar as imagens ilustrarem tudo isso. Bora lá!  😉







      SHARE
      COMMENTS